Santista Celso Filetti encara desafio de Downwind no surfski entre Búzios e Cabo Frio


celso filetti 2013 (28)Celso Filetti encara desafio no W2 DOWNWIND, de Surfski, entre Búzios e Cabo Frio

Uma semana depois de garantir o vice-campeonato na Volta à Ilha de Santo Amaro de Canoas Havaianas, com a equipe TriboQPira, o santista Celso Filetti volta ao mar para mais um duro desafio. Neste sábado (19), ele disputa o W2 Downwind Brazilian Paddle Challenge, remando de surfski entre a Praia da Armação, em Búzios e a Praia da Ferradura, em Cabo Frio, no Rio de Janeiro. No Downwind, o percurso é feito a favor do vento, proporcionando sempre mais velocidade e emoção.

Aos 49 anos de idade, o canoísta é um dos pioneiros da modalidade no País e mostra entusiasmo com a disputa. “Será um grande desafio, passando por mar aberto, ondas oceânicas. Devemos remar a 15 km por hora de média”, afirma o atual hexacampeão paulista, brasileiro e sul-americano de canoa havaiana individual master. “Gosto muito de remar na canoa havaiana, mas o surfski é uma nova paixão. Sou um dos pioneiros e quero muito ajudar a modalidade a ganhar força no Brasil”, ressalta.

No último sábado, Celso foi um dos atletas da equipe vice-campeã nos 75 quilômetros da Volta à Ilha de Santo Amaro. Foi a sua oitava participação na prova. “Nossa equipe venceu cinco vezes e foi a vice nos últimos três anos, superado apenas pela Samu, que atualmente é imbatível. Perdemos para uma seleção. Foi determinação do começo ao fim”, argumentou o atleta, que este ano também se destacou nas etapas iniciais do Aloha Spirit, mantendo a hegemonia entre os masters na canoa havaiana e no surfski.

Texto: Fabio Maradei
Foto: Ivan Storti

Deixe uma resposta

ou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *