Categoria: Oceânica - Translate to:  En · Pt · Es

5ª Etapa do Circuito Brasileiro de Canoagem Oceânica marca fim de temporada 2015

Canoagem Oceânica tem novo regulamento em 2016

Mais um ano se inicia e novamente a Canoagem Oceânica sai na frente realizando o primeiro evento oficial do ano na Canoagem Brasileira. A grande novidade é o novo regulamento da modalidade, que entra em vigor a partir de 01 de fevereiro e já será usado na primeira etapa do Circuito Brasileiro no dia 20/02 em Angra dos Reis/RJ.

W2 Downwind fecha a Tríplice Coroa 2015 com êxito total

Atletas que vinham disputando a Tríplice Coroa e outros, apaixonados por esta prova, uniram-se para remar os 22 Km, trecho entre as cidades de Búzios e Cabo Frio. Na sexta feira os atletas já começaram a chegar e se hospedar na cidade. O Hotel onde a organização estava, e onde seria a recepção, o Apa Pau Hotel, recebeu a maior parte pois todos buscaram comodidade, evitando o uso de carro para suas tarefas pré prova.

INFORMAÇÕES sobre o 7º ACOAR OPEN – Ocean Kayak 50k 2015

A Prefeitura Municipal de Angra dos Reis – PMAR a Associação de Canoagem Oceânica de Angra dos Reis – ACOAR, convidam vossa equipe de canoagem, para participar do 7º ACOAR OPEN – OCEAN KAYAK – 2015. Este evento será realizado no dia 08 de novembro de 2015 – domingo, na Praia Grande em Angra dos Reis – RJ.

Campeonato Mundial de Canoagem Oceânica marca bom desempenho brasileiro

O último fim de semana foi marcado pelo Campeonato Mundial de Canoagem Oceânica 2015, no Taiti, evento que reuniu mais de 150 canoístas de 22 países em diversas categorias; competindo num dos mais belos cenários do mundo para a modalidade. O melhor resultado brasileiro na competição foi do jovem Luiz Pecoraro – categoria SS1 Masculino Sub-23 – em 44o lugar entre todas as categorias com o tempo de 2:14:35.94. O melhor tempo de todo o evento foi marcado pelo australiano Cory Hill que terminou o circuito de 30 quilômetros em 1:58:06.04 e sagrou-se campeão no SS1 Masculino Sênior.

Percurso desafiador e o respeito fizeram a Copa Brasil de Canoagem Oceânica ser sucesso

Aconteceu no domingo a Copa Brasil de Canoagem Oceânica, em Cabo Frio/RJ. Etapa que fez parte do Circuito de Canoagem Oceânica e Va’a, patrocinado pelo BNDES através da Lei de Incentivo do Esporte. Por se tratar de uma etapa fora do Circuito Brasileiro da modalidade, a grande preocupação era a baixa adesão de atletas, porém a supervisão e a organização ficaram satisfeitas com o número de atletas na prova, principalmente por já haver um déficit de 25 atletas que estavam representando o país no Mundial da modalidade, no Tahiti.

Oceânica e Va’a se reúnem em novo evento na cidade de Cabo Frio (RJ)

A cidade de Cabo Frio, no Rio de Janeiro, será palco de mais uma emocionante disputa neste fim de semana, nos dias 3 e 4 de outubro. O local que é tradicional por provas em mar com nível técnico elevado é muito cobiçado por remadores que procuram provas de nível internacional, além de ser um local que abriga muitas bases de Va’a. O evento reúne o Campeonato Brasileiro de Va’a V6 e a Copa Brasil de Canoagem Oceânica na Praia do Forte. O evento começa com as disputas da modalidade de Va’a no sábado, 3 de outubro, tendo neste primeiro dia de competições as provas no percurso de 14km e de 6km. O domingo é marcado por mais competições no Va’a e a disputa da Copa Brasil de Canoagem Oceânica, podendo o atleta disputar o título de campeão nas duas modalidades.

Tahiti recebe campeões olímpicos, mundiais e europeus

Sean Rice (África do Sul), Campeão Mundial de Ocean Racing 2013 SS1 junto com Michele Eray (EUA), vencedora no SS1 feminino vão competir no oceano pacífico nos dias 2 e 3 de outubro. Campeões Olímpicos em caiaque sprint estarão presentes neste evento, como o mestre Clint Robison campeão no K1 em Barcelona 92, Murray Stuart, campeão no K4 em Londres 2012 e Krisztina Fazekas, campeão em K4 500 também em Londres.

Brasileiros prontos para o Campeonato Mundial de Canoagem Oceânica no Tahiti

Os 19 nomes escolhidos para participar do Mundial da modalidade vieram através do ranking 2014 onde usamos o Campeonato Brasileiro e a Copa Brasil. Do Campeonato Brasileiro veio a primeira vaga e da Copa Brasil, que em 2014 foi um circuito de 3 etapas, veio a segunda vaga. Além disso convocamos os suplentes para caso os dois principais não possam participar mas espantosamente quase todos atletas confirmaram sua ida ao Tahiti e eu, Jefferson Sestaro, supervisor da modalidade Oceânica, estou muito orgulhoso da equipe que formamos.

Saiba como foi o Aloha Spirit etapa Rio de Janeiro

Durante a retirada dos kits na loja Wollner Ipanema, as perguntas eram as mesmas: Como será que estará o mar? Qual o plano B? Será que as grandes ondas previstas a semana toda, vão se concretizar?! Pois bem, a previsão se concretizou, mas graças a Deus, de maneira inferior ao previsto.