Categoria: Slalom - Translate to:  En · Pt · Es

COB realiza curso multiesportivo para técnicos formadores em Saquarema

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) realizou, entre os dias 9 e 11 de maio, o III Encontro Multiesportivo para técnicos formadores de 15 modalidades diferentes. O objetivo principal foi o de manter a qualidade técnica necessária para renovação do esporte brasileiro, sem lacunas de gerações, através da estrutura humana composta por comissão técnica, especialistas, técnicos de seleção adulta e técnicos formadores (seleção de base).

Copa Brasil Canoagem Slalom

Etapa da Copa Brasil e Seletiva da Canoagem Slalom em Tomazina (PR)

Tomazina, localizado no Norte Pioneiro do Estado do Paraná, está agitada nesses últimos dias com a presença de mais de 100 atletas representando oito associações esportivas de várias partes do Brasil. A 1ª Etapa da Copa Brasil de Canoagem Slalom também é válida como Seletiva 2014, processo interrompido em março passado por causa da cheia do Rio das Cinzas. De volta ao local canoístas de todo o Brasil irão competir em 230 metros do leito natural do Rio, que conta com boas corredeiras propícias para a prática deste esporte. “Somos agraciados por Deus por termos essas belezas naturais. Ficamos muito felizes de poder fornecer tudo isso para os atletas, estamos empenhados para realizar um excelente evento, que firma ainda mais esta nova parceria entre a prefeitura de Tomazina e a CBCa”, afirma o Prefeito Municipal Guilherme Cury Saliba Costa.

Brasil se despede do Mundial na Austrália com bons resultados

No último dia de disputas do Campeonato Mundial de Canoagem Slalom Junior & Sub-23 a jovem Ana Sátila fez mais uma bela prova da evoluvação da Canoagem Brasileira e chegou à final do C1 Feminino Junior demonstrando muita versatilidade após garantir, ontem, o ouro no K1. Hoje ela foi a mais rápida na prova com 126.33 segundos, mas por causa de algumas penalidades o seu tempo oficial subiu para 136.23 deixando a brasileira em quarto lugar. A mato-grossense mostra evolução a cada dia e segue como uma das grandes esperanças da Canoagem Brasileira para o Rio 2016.

Ana Sátila é campeã mundial na Austrália

Nunca antes na história da Canoagem Slalom do Brasil um atleta conseguiu chegar tão longe! Estamos falando da mato-grossense Ana Sátila Vargas. A jovem de apenas 18 anos conquistou hoje a medalha de ouro no Campeonato Mundial de Canoagem Slalom Junior & Sub-23 na Austrália. Sátila fez a prova final do K1 Feminino Junior em 114.28 segundos e conquistou um resultado histórico para o Brasil. Em 1992, o gaúcho Gustavo Selbach, foi bronze no Campeonato Mundial Junior na Noruega.

C2 Masculino Sub-23 do Brasil é a 5º melhor no Mundial na Austrália

Os primeiros campeões do Campeonato Mundial de Canoagem Slalom Junior & Sub-23 foram conhecidos hoje, em Penrith, na Austrália. Das três finais realizadas no “Penrith Whitewater Stadium” o Brasil teve representantes em duas. Charles Corrêa e Anderson Oliveira conseguiram o quinto lugar no C2 Masculino Sub-23 com o tempo de 122.11 segundos, pouco abaixo do que fizeram na semifinal (121.41). Os tchecos Jonas Kaspar e Marek Sindler foram campeões com 112.58 segundos.

Ana Sátila fica em segundo lugar na disputa pelo C1 Junior e garante mais uma vaga nas semifinais na Austrália

Terminou a primeira fase do Campeonato Mundial de Canoagem Slalom Junior & Sub-23 no “Penrith Whitewater Stadium”, na Austrália. Neste segundo dia de eliminatórias foram conhecidos os últimos classificados para as semifinais que começarão amanhã (26). Ana Sátila conquistou mais uma classificação para a semifinal, além da vaga pelo K1 Feminino Júnior conquistada ontem (23). A jovem mato-grossense também garantiu vaga hoje no C1 Feminino Júnior com o bom tempo de 121.02 segundos. Com este desempenho a atleta olímpica da Canoagem Brasileira ficou em segundo lugar das eliminatórias muito próximo da primeira colocada, a espanhola Miren Lazkano com 118.39, diferença de 2.63 segundos. “Estou em um bom ritmo e fiz uma boa prova. Agora vou focar na minha primeira semifinal que irei disputar amanhã”, disse.

Mundial Junior e Sub-23 - Canoagem Slalom

Mundial Junior e Sub-23 começa com boas expectativas para os brasileiros

Entre os dias 23 e 27 de abril as águas do “Penrith Whitewater Stadium”, construído para os Jogos Olímpicos Sydney 2000, estarão novamente movimentadas com a presença de mais de 350 atletas representando 31 países. O Brasil participa com 16 canoístas e a principal promessa de medalha da equipe é Ana Sátila Vieira Vargas que irá competir na categoria K1 Feminino Júnior. Hoje a jovem que representou o país em Londres 2012 é vista como uma das promessas ao lado da colega australiana Jessica Fox para acabar com o domínio europeu na categoria. “Estamos nos preparando e indo com tudo para fazer um bom resultado” afirma a canoísta brasileira.

Foz do Iguaçu: a terra da Canoagem Slalom Brasileira

A Usina de Itaipu, mundialmente conhecida como uma das maiores geradoras de energia elétrica do mundo, abriga também nas suas proximidades projetos de incentivo à Canoagem Brasileira. Um destes projetos é denominado Projeto Meninos do Lago, criado em 2009, e que concede a oportunidade aos jovens carentes de Foz do Iguaçu de ingressarem no esporte. O local que é utilizado para o desenvolvimento do esporte é o Canal Itaipu, considerado atualmente como um dos 10 melhores locais do mundo para a prática da Canoagem Slalom.

Mundial Júnior e Sub-23 na Austrália

Selecionados os canoístas que irão participar do Mundial Júnior e Sub-23 na Austrália

Agora é começar a preparar as malas. A equipe brasileira que irá representar o país no Campeonato Mundial de Canoagem Slalom Júnior e Sub-23, em abril, na Austrália, foi definida neste último fim de semana. Os atletas foram selecionados por meio de uma prova seletiva realizada no Rio das Cinzas, na histórica cidade de Tomazina, no Estado do Paraná. Apesar das fortes chuvas que acabaram inundando todo o canal de competição, o que acabou prejudicando a realização das três provas programadas, 61 embarcações participaram da única prova que definiu os participantes brasileiros em Sydney, no próximo mês.

Tomazina será a casa da Canoagem Slalom neste fim de semana

Treinos a mil por hora em Tomazina, no Paraná, para a disputas da Seletiva Nacional de Canoagem Slalom que define os melhores canoístas da temporada internacional 2014. Os atletas participarão dos principais eventos do calendário da modalidade deste ano. Já foram inscritas até o momento 65 embarcações para as provas que acontecem entre os dias 21 e 23 de março.

Canoagem Slalom

Canoagem Slalom do Brasil em Dubai

Os principais atletas da Equipe Permanente da Canoagem Slalom do Brasil estão de malas prontas e à caminho de Dubai, local onde irão passar uma temporada de treinamentos com o objetivo de se preparar para o Campeonato Mundial Sub-23 de Canoagem Slalom que acontecerá, em abril, na Austrália.

Perfil da nova geração da Canoagem Slalom

No embalo de Ana Sátila está surgindo uma nova geração de canoístas brasileiros que veem na atleta o exemplo de que com garra, determinação, condições de desenvolvimento e muito treinamento o sonho de participar dos Jogos Olímpicos é possível. Sabendo do potencial no país para o desenvolvimento do esporte a Confederação Brasileira de Canoagem, Federação Paranaense de Canoagem, o patrocinador oficial BNDES, Comitê Olímpico Brasileiro, Ministério do Esporte e Itaipu Binacional, possuem um trabalho em conjunto em Foz do Iguaçu, no Paraná, através do Centro de Treinamento de Canoagem Slalom que disponibiliza aos atletas as condições necessárias para o desenvolvimento no esporte e as oportunidades de participarem dos principais eventos do calendário internacional da modalidade.

Planejamento segue forte para a Canoagem Slalom em 2014

Planejamento e superação são palavras-chaves para os atletas da Canoagem Slalom em 2014, ano em que irão receber total atenção visando o Mundial Júnior e Sub-23 que acontecerá no Brasil em 2015. A ideia é que o país tenha um bom plantel de canoístas na disputa que será realizada no Canal Itaipu, em Foz do Iguaçu.