482 Resultado da Busca

Para o termo "resultados".

Ana Paula Vergutz é selecionada para receber a Bolsa SO em preparação para Rio 2016

O Comitê Olímpico Internacional (COI), por meio do Programa Solidariedade Olímpica (SO), irá contemplar 15 atletas brasileiros com potencial para os Jogos Olímpicos Rio 2016. A seleção dos atletas foi feita pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) em conjunto com as Federações Internacionais, levando-se em conta o potencial de participação nos Jogos Olímpicos. As bolsas serão repassadas do COB diretamente aos atletas, a cada quatro meses, mediante a entrega dos relatórios e da prestação de contas pelas respectivas Confederações Brasileiras, que acompanharão a utilização dos recursos.

Copa Brasil de Canoagem Descida realizou duas etapas neste final de semana

Duas etapas da Copa Brasil de Canoagem Descida foram realizadas nos dias 13 e 14 de setembro no estado do Rio de Janeiro. As provas contaram com a participação de homens e mulher em cinco categorias diferentes, sendo elas a Junior, Cadete, Sênior, Master e Open. No sábado (13) a competição se sediou na cidade de Itaocara e no domingo (14) em Santo Antônio de Pádua.

rafting

Equipes de Brotas (SP) são destaque no Brasileiro de Rafting R4

Neste final de semana aconteceu na cidade de Ipê, no Rio Grande do Sul, o Campeonato Brasileiro de Rafting R4 2014, evento que reuniu 140 canoístas de sete estados brasileiros – Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Minas Gerais, Santa Catarina e Paraná. O destaque do evento foram as equipes de Brotas (SP), campeãs em três das quatro categorias em disputa do evento.

Brasileiros estão confiantes para o Pan-americano no México

O Campeonato Pan-Americano de Canoagem Velocidade e Paracanoagem 2014 que acontece em Cuemanco, no México, promete grandes resultados por parte da equipe brasileira. O time brasileiro, que vem ao longo do último mês colecionando bons resultados em competições internacionais, dentre estas o Campeonato Mundial ocorrido em Moscou, quer repetir a dose no evento no México.

Brasil encerra sua participação no Mundial Universitário

A Seleção Brasileira de Canoagem Velocidade participa do Campeonato Mundial Universitário 2014 com apoio fundamental do patrocinador oficial da Canoagem Brasileira – BNDES, Comitê Olímpico Brasileiro, e Ministério do Esporte por meio da Lei do Incentivo ao Esporte. Conta ainda com o grande apoio da Confederação Brasileira do Desporto Universitário – CBDU.

Brasileiros garantem vaga em três finais do Mundial Universitário

Cinara de Lima Camargo carimbou sua vaga na final do K1 200m, ao ficar com a terceira posição na semifinal, com o tempo de 00:44,516. A dupla João Motta e Caio Marte marcaram 00:35,824, e também vão disputar a final do K2 200m. Por fim, a dupla feminina Cinara de Lima Camargo e Mayara Cardoso vão à final do K2 500, após fazer o tempo 01:56,941 e ficar na terceira colocação em sua semifinal.

Estreante brasileiro é medalhista de prata no Mundial em Moscou

O estreante Fernando Rufino fez bonito hoje na raia olímpica de Krylatskoye, em Moscou, na Rússia. Logo em sua primeira prova internacional o brasileiro garantiu a medalha de prata na finalíssima do K1 Masculino TA do Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade e Paracanoagem 2014. “Cowboy”, como é conhecido na canoagem, garantiu o 2o lugar com o tempo de 41.872, atrás apenas do austríaco Markus Swoboda com 40.928. O bronze ficou com o russo Victor Potanin com 42.906.

Luis Carlos é ouro para o Brasil

Na última prova, com presença brasileira, do primeiro dia de competição do Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade e Paracanoagem 2014, em Moscou, na Rússia, o paracanoísta Luis Carlos Cardoso garantiu a primeira medalha para o Brasil. Luis Carlos levou o ouro no V1 Masculino A 200 m com o tempo de 54.944 segundos, seguido pelo ucraniano Oleksandr Hrechko com 57.481 e pelo húngaro Róbert Suba com 59.136.

A evolução do Va’a brasileiro promete grandes feitos no Mundial

O ano de 2013 terminou com um total de 196 canoístas da modalidade de Va’a cadastrados na Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa). O número mostra que o esporte vem se expandindo e se consolidando no litoral brasileiro como um esporte de grande confraternização entre as pessoas, principalmente nos estados do Sudeste do país onde a modalidade já se consolidou e é muito praticada. Hoje também já podemos ver o nascimento de núcleos da modalidade, inclusive nos estados da Bahia e Alagoas que até pouco tempo não contavam com a prática do Va’a.

Paracanoagem abre o desafio brasileiro no Mundial em Moscou

Nesta quarta-feira teremos todos os paracanoístas brasileiros na água em busca das primeiras medalhas do evento. A primeira a competir será Marta Ferreira na eliminatória 1 do K1 Feminino TA, prova de abertura do campeonato. Marta também compete na eliminatória 1 do K1 Feminino LTA. O segundo brasileiro a entrar na água é Fernando Fernandes que disputa a eliminatória 1 do K1 Masculino A, seguido logo depois por Luis Carlos Cardoso na eliminatória 1 do V1 Masculino TA. Luis Carlos também compete, à tarde, a final direta do V1 Masculino A.

Maior desafio do ano de 2014 na Canoagem Velocidade e Paracanoagem

O evento mais esperado do ano para os atletas da Canoagem Velocidade e Paracanoagem é sem sombra de dúvidas o Campeonato Mundial, marcado este ano para acontecer de 6 a 10 de agosto em Moscou, na Rússia. Depois de um resultado histórico para a Canoagem Brasileira conquistado ano passado, a delegação brasileira parte para a Rússia em busca de novos recordes.

O Supervisor Denilson de Lima se desliga do Comitê de Rafting

Depois de 9 anos à frente da supervisão da modalidade do Rafting, Denilson Lima, o “Deni” como é mais comumente conhecido entre os canoístas, deixa o comitê na Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa). Denilson explica que só teve boas recordações deste período de atividades ligadas ao Rafting porém, chegou a hora de abrir oportunidade para novas direções e novos desafios.

Jornadas ABCD de Formação de Agentes de Controle de Dopagem

Em censo realizado em 2013 a Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) apontou, entre outras coisas, a necessidade de ampliação dos controles de dopagem no Brasil. Como resultados dos dados apontados a ABCD vai formar DCOs e escoltas, que poderão trabalhar nas competições nacionais, internacionais e também nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016, em conformidade com o Código Mundial Antidopagem, que entra em vigor em 2015.

Brasil conquista boas colocações nas finais do Mundial Junior e Sub-23

Os atletas da Seleção Brasileira Junior e Sub-23 conquistaram boas colocações nas finais do Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade Junior e Sub-23, que começou na quinta-feira (17) e terminou hoje (20), em Szeged, na Hungria. Foram quatro dias de competições, onde os 17 atletas brasileiros remaram um total de 36 provas das categorias em que estavam inscritos.